Assim como o seu colega de ministério Sérgio Moro e a deputada Joice Hasselmann, Paulo Guedes teve seu telefone invadido. O hackeamento ocorreu ontem por volta das 23h30.

Um hacker abriu uma conta no Telegram usando o seu número de telefone. Diz Guedes sobre a invasão:

— Fui hackeado. Não entrei em Telegram. Bandidos.


A representação de Joice Hasselmann sobre o hackeamento de sua conta de Telegram, ocorrida na madrugada de domingo, já chegou à corregedoria da PF. Foi encaminhada por Sérgio Moro.