Cabo criado por hacker parece legítimo e funciona como um, fazendo com que o computador não note a diferença

O hacker e pesquisador de segurança MG revelou a sua nova criação durante a conferência Def Con: um cabo Lightning para dispositivos da Apple que pode ser usado para que hackes acessem remotamente os computadores que o conectaram. É claro, não é um cabo normal, ele inclui um modificador com componentes extras, scripts e payloads, que permitem o acesso remoto não autorizado aos PCs.

O modificador do cabo O.MG, como foi nomeado pelo pesquisador, é um implante que permite acesso ao Wi-Fi e, assim que conectado ao computador, possibilita que o hacker use o PC do alvo como se estivesse sentado em frente a tela.

O atacante que tiver esse cabo em mãos e conseguir uma vítima para usá-lo pode fazer praticamente qualquer roubo de dados, seja por páginas de phishing ou roubando senhas do usuário em questão.

“Parece um cabo legítimo e funciona como um. Nem mesmo o seu computador notará a diferença. Até que eu, como invasor, assuma o controle do cabo remotamente”.

Os cabos foram produzidos manualmente, assim eles se mantém semelhantes ao acessório original da Apple. Com o hack, é possível acessar os dispositivos a até 90 metros de distância e, caso seja usada uma configuração em que há conexão com a internet, a distância se torna quase ilimitada.

MG não é apenas um hacker: ele também trabalha na operadora Verizon com segurança de dados. No fim das contas, o acessório pode ser usado para o mal, mas essa informação também pode ajudar a aumentar a segurança das empresas e, assim, espalhar o bem.

Fonte: pcworld.com.br