Ataíde Evangelista, 28 anos, um rapaz pobre morador de Parauapebas (sul do Pará), sem nenhum curso superior, é uma ameaça em potencial para o sistema bancário do País. Por trás do currículo inofensivo, há um autodidata em informática, mentor de um programa que foi capaz…